Cuidado Frágil!

9 set

Muitas vezes as coisas acontecem em nossas vidas e não damos tanta importância,  coisas banais que podem ser motivos de felicidade ou de tristeza, mas que no fundo fazem nossa vida mudar  ou tomar outros caminhos sem nem que, muitas vezes, a gente perceba.  Pelo fato de vivermos uma rotina e nos acomodarmos com ela,  achamos que na grande maioria do tempo temos o controle de nossas vidas. 

Estive pensando o quanto esse pensamento é equivocado e tão comum entre todas as pessoas. Nós saímos de casa, seguimos para o trabalho dirigindo nossos carros, abrimos e fechamos as portas de casa, resolvemos as pendengas do dia, vamos ao mercado, fazemos nossa comida e nossa parte no trabalho. Sempre estamos achando que conquistamos sozinhos aquilo que merecemos, que está tudo sobre controle, que tudo depende só de nós.
Só que esse controle não passa de uma peça que pregamos em nós mesmo, uma auto-enganação com um propósito muito nobre inclusive, o de fazer com que a gente se levante todos os dias para viver nossas vidas com uma auto-confiança capaz de realizar nossas conquistas. O problema é que algumas vezes essa mentira pode nos deixar tão cegos que deixamos de ver nas coisas mais simples o que realmente nos move.
 Achando que somos auto-suficientes e que podemos controlar, resolver tudo sozinhos, deixamos de olhar para o lado e valorizar o nosso companheiro, que todos os dias está ao nosso lado, dando aquela força, nos fazendo rir, nos agüentando e que sem eles ao nosso lado, não conseguiríamos achar que somos tão forte.

Deixamos de pensar que existem nossos amigos, muitas vezes responsáveis por parte da segurança que nós sentimos. Pra mim, só de saber que ele está ali e que posso contar com ele em horas difíceis já me deixa relaxada pra seguir em frente.
Muitas vezes atrás dessa nossa armadura existe uma criancinha frágil que só quer jogar tudo pro alto, deitar no colo da mãe e chorar. Essa mesma criança um dia cresceu e precisa viver sem a mamãe, mas nunca sozinha. Por que nós somos seres completamente dependentes em todos os sentindo, sempre estamos dependendo de alguém. Não existe fortaleza dentro de nós, porque antes de nós mesmos exige o mundo e outras pessoas. E mais do que nunca, hoje a gente sabe o quanto outras pessoas podem influenciar em nossas vidas sem a gente nem mesmo conhecer elas. Ao mesmo tempo isso nos mostra como nossa vida é frágil e como esse total controle sobre ela não existe, ou existe, em partes. Em alguns segundos nossa vida pode mudar completamente, nossos planos podem ruir ou podemos mudar de planos e até colocar aqueles que estavam na gaveta pra frete. Podemos nos mostrar uma pessoa completamente diferente daquilo que achávamos que éramos ou ao menos daquilo que queríamos que as pessoas achassem que a gente é. 

No fundo o importante é a gente reconhecer que não temos a força que achamos que temos, e que somos tão frágeis quanto uma borboleta. Esconder nossa fragilidade não significa que somos fortes. Ato de coragem é reconhecer nossa fraqueza, olhar de frente pra ela, enfrenta-la. Na nossa sociedade o fraco é criticado, é o que se humilha é o dependente… eu acho que existe uma inversão das coisas, exatamente porque todo mundo precisa do outro e ninguém jamais vai ser onipotente. Até porque o ser humano só chegou nessa escala de evolução porque é um ser extremamente social.
Ato de coragem é você virar e dizer: Eu preciso de você.
É necessária uma puta coragem pra assumir ser incapaz de alguma coisa e pedir ajuda. mas só com ela é possível enxergar nossos defeitos, nossas falhas e nossa fragilidade, fazer alguma coisa com ela e quem sabe, se não nos fortalecer, ao menos nos tornará mais capaz de fazer escolhas e tomar decisões pelo o que somos de verdade.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: